terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Tarte de amêndoa e pinhão



Mais limões! Mais limões?

Na publicação anterior questionava-me/os sobre o que fazer com os limões que a vida nos vai dando. Bem, nem todos os dias sabemos exactamente o que fazer a essa acidez (de maneira literal e metafórica).

Mas enquanto vamos decidindo, o melhor é adicionar-lhes doçura! Ah, outra coisa... Manter o simples.


Resulta na vida e na cozinha! A prova disso (pelo menos da segunda) é esta delicada e tão interessante tarte.

Vá, experimentem e contem como correu ;)
E se tiverem dúvidas sobre a receita, não hesitem em enviar mensagem ou email.






Esta forma encontram-na n'A Metalúrgica

 

 

 

Receita criada para o robot Cuisine Companion da Moulinex

 

 

Tarte de amêndoa e pinhão 

Ingredientes:

Massa
  • 250 g de farinha
  • 120 g de manteiga
  • 130 g de açúcar
  • 2 ovos
Recheio
  • 100g de amêndoa
  • 2 ovos + 4 gemas
  • 140 g de açúcar
  • 50 g de manteiga
  • 1 limão
  • 50 g de pinhão
  • q.b. de açúcar em pó (para polvilhar)





Preparação:

Prepare a massa:

Deite a farinha para a taça do robot, com a lâmina para amassar/triturar, junte a manteiga, o açúcar, os ovos e selecione o Programa de Massas P1 durante 2 minutos e 30 segundos. Retire a massa da taça, faça uma bola com a mesma e deixe-a repousar 30 minutos.

Entretanto, prepare o recheio:

Triture as amêndoas no robot, usando a lâmina para amassar/triturar, durante cerca de 1 minuto ou até obter uma farinha não muito fina (uma espécie de farofa). Retire e reserve.
Encaixe o acessório batedor na taça do robot, junte os ovos, as gemas, o açúcar e programe durante 10 minutos na velocidade 8. Troque para o acessório misturador, junte a amêndoa triturada, o sumo e a raspa de limão, a manteiga em pequenos pedaços e programe a 100ºC, na velocidade 5, durante 7 minutos ou até ficar um creme. Retire da taça e deixe arrefecer.

Pré-aqueça o forno a 200ºC. Estenda a massa, coloque-a dentro da forma, pique o fundo com um garfo, forre-a com papel vegetal, cubra com leguminosas secas e leve ao forno cerca de 30 minutos. Retire as leguminosas e o papel e disponha o recheio, salpicando com o miolo de pinhão. Polvilhe com o açúcar em pó e leve novamente ao forno, baixando a temperatura para 180ºC, durante cerca de 30 minutos. [Nos últimos 5 minutos liguei a resistência de grill para tostar um pouco]. 


segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Bolo de Limão e Mascarpone






E se a vida nos der limões?




 

Ingredientes: 

  • 125g de manteiga 
  • 3 gemas + 1 ovo inteiro - usei caseiros
  • 200g de açúcar - usei fino (para bolos)
  • 200g de farinha para bolos
  • 1/2 colher (chá) de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
  • 180g de queijo mascarpone
  • 2 limões (sumo) - usei biológicos
  • 1 limão (raspa)


 

Preparação:


Derreta a manteiga, em banho maria, sem a deixar ferver. Retire a taça do calor e deixe a manteiga arrefecer.
Numa taça bata as gemas e o açúcar até ficar cremoso. Aos poucos, adicione a farinha, o fermento em pó, uma pitada de sal, as raspas de limão e misture. Adicione o mascarpone, manteiga, o sumo de limão, o ovo e misture bem.
Despeje a mistura numa forma [tipo bolo inglês - uso formas d'A Metalúrgica] forrada com papel vegetal, e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC por cerca de 50 minutos (o bolo está cozido quando a ponta da faca, ou de um palito sai limpo).

Deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.


Obs. - Este bolo fica húmido e tão fofo que pode partir ao desenformar.



domingo, 24 de janeiro de 2016

Ossobuco de Vitela Mirandesa

 



Este friozinho pede pratos reconfortantes, daqueles que aquecem o corpo e a alma.

Peças de carne como o ossobuco, ou chambão, são perfeitas para cozinhar lentamente. Mergulhadas em caldo ou vinho, como foi o caso desta, vão largando os seus próprios sucos durante o processo de cozedura, o que resulta num sabor e aroma de grande intensidade.


Sei que já passaram uns largos dias desde que começou o ano, mas a azáfama do trabalho não me permitiu vir cá antes partilhar receitas convosco.

Bem... tentarei ter sempre um tempinho para o fazer! Até porque continua a ser um enorme prazer vir aqui à "nossa cozinha". ;)

Um abraço e bons cozinhados!


Ossobuco de Vitela Mirandesa

 

Ingredientes:

(para 3/4 pessoas)

  • 6 ossobucos (rodelas/fatias) - usei Vitela Mirandesa DOP
  • 1 alho-francês
  • 1 cebola média 
  • 1colher (sopa) de banha
  • 1colher (sopa) de manteiga
  • 1colher (sopa) de azeite
  • ½ garrafa de vinho tinto seco
  • 1 ramo de cheiros (usei alecrim, louro e salsa)
  • sal e pimenta a gosto 



Preparação:


Coloque as gorduras (banha, azeite e manteiga) num tacho de ferro e doure o ossobuco de ambos os lados.

Retire a carne do tacho e reserve. Refogue o alho-fancês, a cebola envolvendo bem e raspando o fundo do tacho para que se libertem todos os sucos que se acumularam no fundo deste. Tempere de sal e pimenta. Junte novamente a carne e regue com o vinho.

Disponha o ramo de cheiros e tape o tacho.

Deixe cozinhar em lume brando, com o tacho sempre tapado, por cerca de 2h30min ou até que a carne fique macia.

Quando a carne estiver cozida ajuste os temperos, se necessário.


Sugestão de acompanhamento: batata cozida a murro, puré de batata ou arroz branco.


sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Caçarola de Veado



Comida quente para nos reconfortar nos dias mais frios!



A carne de veado é magra e quando cozinhada lentamente, numa caçarola, torna-se incrivelmente suculenta e tenra.

Cá fica mais uma deliciosa receita, ideal para preparar num fim de semana.

E sabem de que gosto tanto nestes pratos? Do molho para molhar o pão!
Ah, como gosto disso!







Rendimento: 2 porções
Tempo de preparação: 15 minutos
Tempo de cozedura: 180 minutos

 


Ingredientes:



  • 450 g de carne de veado (usei perna sem osso)
  • 2 colheres (sopa) de azeite
  • 1 cebola
  • 75 g de barriga fumada (em cubos)
  • 1 colher (sopa) de farinha de trigo
  • 200 ml de caldo de carne*
  • 200 ml de cerveja preta
  • 1 colher (chá) de açúcar mascavado
  • 2 dentes de alho (socados e sem casca)
  • 1 ramo de cheiros (3 hastes de tomilho fresco e 1 folha de louro)
  • sal e pimenta q.b.



* façam um caldo caseiro (cozendo carne, cebola, cenoura, aipo, alho francês, salsa...). Podem preparar em quantidade maior e congelar, para futuras utilizações.


Preparação:


Pré-aqueça o forno a 130ºC

Corte a carne de veado em cubos de aproximadamente 3cm, descartando qualquer cartilagem e tendões.

Numa caçarola [usei Le Creuset] aqueça o azeite e frite a carne por 5-6 minutos, até dourar de todos os lados, adicionando um pouco de azeite extra, se necessário.

Transfira a carne para um prato e reserve.

Deite a cebola, picada grosseiramente, para a caçarola e frite por 2-3 minutos, mexendo ocasionalmente até que doure. Adicione a barriga fumada (pode usar bacon) e frite por mais 2 minutos.

Retorne a carne à caçarola, com todos os sucos que esta libertou. Adicione o alho e, em seguida, misture a farinha. Mexa.

Aos poucos, junte o caldo e a cerveja. Envolva bem, raspando o fundo da caçarola, para que se libertem todos os sucos que se acumularam no fundo desta.

Junte o açúcar, o ramo de cheiros e tempere com pimenta moída na ocasião. Prove e rectifique o sal.

Tape a caçarola com uma tampa apropriada apertada (ou folha de alumínio, na falta desta) e leve ao forno por pelo menos 2 horas ou até que a carne esteja macia.


Sugestão de acompanhamento: arroz de forno.


quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Pudim de laranja




O que é doce, nunca amargou.

 




Receita criada para o robot Cuisine Companion da Moulinex

 

 

Pudim de laranja 

Ingredientes


Pudim
  • 6 ovos
  • 1 lata leite condensado
  • 400 ml de leite
  • Sumo e raspa de uma laranja
  • 1 colher (sopa) de licor Grand Marnier
Caramelo
  • 150 g de açúcar
  • 1 colher (sopa) de licor Grand Marnier

Preparação:

Leve ao lume uma frigideira com o açúcar e o licor até obter caramelo. Caramelize bem uma forma (tipo bolo inglês) e deixe arrefecer.

Ligue o forno a 180ºC.

Na taça do robot com o acessório batedor, junte os leites, o licor, o sumo e raspa de laranja e programe na velocidade 7 durante 2 minutos, juntando os ovos, um a um, pelo orifício da tampa e desligue.
Verta a mistura anterior para a forma e leve-a ao forno, em banho-maria, durante aproximadamente 45 minutos ou até que fique cozido. Espete um palito para verificar, retire do forno, deixe arrefecer completamente, depois desenforme e sirva decorado a gosto. 


Sugestão de decoração: cascas de laranja confitada e gomos de laranja fresca.

Dica: substitua o Grand Marnier por outro licor, ou bebida a gosto.


domingo, 6 de dezembro de 2015

Bacalhau confitado em azeite com batata doce a murro


 

Haverá cheiros melhores... mas o do azeite e alho é um dos meus preferidos! 



Continuando com a saga dos almoços lentos de domingo, trago-vos mais um prato que tanto me deu prazer cozinhar, como comer.

Desta vez a escolha recaiu sobre um prato de grande simplicidade, mas nem por isso menos sabor, feito à base de bacalhau e azeite.

Como já tive oportunidade de vos dizer, anteriormente, esta combinação (azeite, alho, cebola, ervas aromáticas...) é uma das que mais me agrada, quer ao paladar, quer ao olfacto.

E, também, por estarmos em dezembro e porque já se começa a pensar nas refeições natalícias cá fica mais esta sugestão.

Comam bem e sejam muito felizes!






Ingredientes:

  • 2 lombos de bacalhau
  • q.b. de azeite virgem 
  • 1 cabeça de alhos
  • 2 batatas doces roxas
  • 2 batatas doces laranja
  • 1 cebola roxa
  • 1folha de louro
  • 1 raminho de tomilho 
  • q.b de pimenta (em grão)

Preparação:


Pré-aquecer o forno a 100ºC

Num tabuleiro de forno [usei um de grés da Le Creuset] disponha a cebola laminada, a cabeça de alhos cortada ao meio, a folha de louro, o raminho de tomilho e os lombos de bacalhau. Tempere com uma pitada de pimenta (moída na hora) e regue com azeite, até cobrir quase na totalidade o bacalhau. Leve ao forno por aproximadamente 90 minutos [o azeite não deve ferver].

Sem descascar as batatas, lave-as bem sob água corrente.

Deite 700 ml de água para a taça do robot Cuisine Companion da Moulinex, coloque o cesto de cozedura a vapor com as batatas e programe a 130ºC, durante 30 minutos. 

[ou, se preferir, coza-as numa panela com água]

Numa panela grande, coloque as batatas em 2 litros de água, temperada de sal. Leve ao fogão em lume médio e deixe cozinhar cerca de 30 minutos.

Coloque as batatas (escorridas) num pano de cozinha limpo e dê um pequeno murro em cada batata (cerrar o punho e pressionar). Elas devem ficar ligeiramente achatadas e abertas.

Retire o tabuleiro do forno e disponha as batatas a ladear o bacalhau. Com uma colher, regue tudo com o azeite e leve, novamente, o tabuleiro ao forno até terminar o tempo (uns 30 minutos, aprox.).

Aqueça os pratos e sirva bem quente.
 


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...