terça-feira, 3 de maio de 2016

Bola de Berlim



Bolas e sol!


Hoje o dia lembra-me praia e quando penso em praia, penso em bolas de berlim... 

Tinha estas deliciosas tentações no álbum de fotos da página do facebook, mas nunca a tinha partilhado aqui no blog. Uma falha que tento reparar agora ;)
Se experimentarem, contem como correu. Boa semana!



Bola de Berlim com creme

Ingredientes

(rende 18 bolas)

  • 450 g farinha
  • 150 g manteiga
  • 75 g açúcar
  • 10 g fermento de padeiro
  • 3 ovos
  • 1 colher (café) sal fino
  • 1 limão
  • Óleo (para fritar)

Preparação e confecção:

Peneirar 100 gramas de farinha para uma tigela e no meio deitar o fermento de padeiro dissolvido num pouco de água morna.
Misturar muito bem e deixar levedar num local morno.
Peneirar a restante farinha sobre a pedra de balcão/mesa, fazer uma cova no centro e deitar dentro o sal, o açúcar, a raspa da casca do limão, a manteiga cortada em bocados, os ovos e o fermento já levedado.
Amassar tudo muito bem, e quando todos os ingredientes estiverem amassados, formar uma bola. Colocar a massa numa tigela polvilhada com farinha, tapar com um pano e deixar levedar até dobrar de volume.
Estender a massa e fazer com ela um rolo.
Cortar em bocados e formar pequenas bolas (pode pesar para que todas saiam idênticas).
Colocar num tabuleiro polvilhado com farinha e deixar levedar, até dobrar de volume.
Fritar as bolas de massa em óleo (cuidado para não as queimar), e quando estiverem loiras, retirar com uma escumadeira.
Deixar escorrer sobre papel absorvente e passar, ainda quentes, por açúcar e canela (esta é opcional).

Servir simples, ou recheadas com creme pasteleiro.

Creme pasteleiro:

300 ml de nata
600 ml de leite
200 g de açúcar
80 g de farinha maizena
3 gemas
Raspa de limão, laranja, pau de canela, baunilha

Numa taça misturar as gemas, o açúcar, a maizena e uma parte do leite (o suficiente para que tudo se dissolva).
Aquecer o leite e a nata com os aromatizantes (opcional).
Deitar o leite e a nata quentes sobre a mistura de gemas, mexendo sempre.
Coar.
Levar de novo ao lume, mexendo sempre, até que engrosse e sem que ferva.
Arrefecer mexendo constantemente, tapar com película aderente sem que haja ar entre este e o creme.
Refrigerar até usar.


creme: flagrantedelicia


terça-feira, 26 de abril de 2016

Perdiz fria à moda de Coimbra



Escabeche

·ca·be·che
(talvez do árabe iskabaj, comida feita com carne e vinagre)

substantivo masculino
1. Molho feito com vinagre, azeite, cebola, alho e outros ingredientes, usado para temperar ou conservar alimentos (ex.: lapas de escabeche).

2. [Figurado]  Adorno com que se encobre algum defeito. = DISFARCE

3. [Informal]  Estado de confusão, desordem ou grande barulho. = ALGAZARRA, ESPALHAFATO, ESTARDALHAÇO, ZARAGATA

"escabeche", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escabeche [consultado em 26-04-2016].

es·ca·be·che
(talvez do árabe iskabaj, comida feita com carne e vinagre)

substantivo masculino
1. Molho feito com vinagre, azeite, cebola, alho e outros ingredientes, usado para temperar ou conservar alimentos (ex.: lapas de escabeche).

2. [Figurado]  Adorno com que se encobre algum defeito. = DISFARCE

3. [Informal]  Estado de confusão, desordem ou grande barulho. = ALGAZARRA, ESPALHAFATO, ESTARDALHAÇO, ZARAGATA

"escabeche", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escabeche [consultado em 26-04-2016].
es·ca·be·che
(talvez do árabe iskabaj, comida feita com carne e vinagre)

substantivo masculino
1. Molho feito com vinagre, azeite, cebola, alho e outros ingredientes, usado para temperar ou conservar alimentos (ex.: lapas de escabeche).

2. [Figurado]  Adorno com que se encobre algum defeito. = DISFARCE

3. [Informal]  Estado de confusão, desordem ou grande barulho. = ALGAZARRA, ESPALHAFATO, ESTARDALHAÇO, ZARAGATA

"escabeche", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escabeche [consultado em 26-04-2016].

es·ca·be·che
(talvez do árabe iskabaj, comida feita com carne e vinagre)

substantivo masculino

1. Molho feito com vinagre, azeite, cebola, alho e outros ingredientes, usado para temperar ou conservar alimentos (ex.: lapas de escabeche).
2. [Figurado]  Adorno com que se encobre algum defeito. = DISFARCE
3. [Informal]  Estado de confusão, desordem ou grande barulho. = ALGAZARRA, ESPALHAFATO, ESTARDALHAÇO, ZARAGATA

"escabeche", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, http://www.priberam.pt/dlpo/escabeche [consultado em 26-04-2016].
 





Perdiz fria à moda de Coimbra

(Beira Litoral)

 "Esta é talvez a melhor receita portuguesa para cozinhar perdizes. pois oferece a vantagem de as aves se conservarem e poderem ser comidas frias ou quentes."

Tesouros da Cozinha Tradicional Portuguesa


Ingredientes:

  • 4 perdizes
  • 1 copo de vinho branco
  • 1 copo de azeite
  • ½ copo de vinagre
  • 10 grãos de pimenta
  • 2 cravinhos
  • cominhos, sal e pimenta q.b.
obs.: usei como medida do copo 200 ml. O vinho e o vinagre devem ser de muito boa qualidade, se pretendemos um bom resultado final (não, não usem o mais fraquinho...)

Preparação:


Arranje e ate as perdizes com um fio para lhes conservar a forma (utilizei um tacho tamanho 20, para que ficassem à justa). Introduza-as num tacho juntamente com as cebolas cortadas em rodelas, o vinagre, os cravinhos, os grãos de pimenta e tempere com sal e pimenta em pó (moí na hora) e um pouco de cominhos. Tape bem o tacho e leve a lume brando até a cebola estar muito macia e as perdizes tenras (cerca de 2 horas). Retire os cravinhos e a pimenta. Passe o molho por um passador e regue as perdizes.

Sirva frio, acompanhado com batatas palha ou cozidas.

Se quiser conservar estas perdizes, coloque-as em frascos, tape-os e esterilize-os durante 40 minutos.



sexta-feira, 15 de abril de 2016

Regueifa de leite condensado








Precisam de uma desculpa para ligar o forno? A chuva e o frio são um óptimo motivo, concordam?

Vocês não sei, mas a mim este tempo tem-me aumentado o apetite... ainda por cima, apetecem-me coisas doces (mais do que o habitual) :)

Andei uns dias a cismar com pão doce e acabei por ter que o fazer. Um desassossego, tê-lo no armário (onde escondo as lambarices, por causa das gatinhas Mimi e Dita)!!!

Sabem quando sosseguei? Quando a regueifa acabou! :-P

Vá, está aí o fim-de-semana e as previsões meteorológicas convidam a umas torradinhas com manteiga.

Divirtam-se!





Receita para o robot Cuisine Companion da Moulinex

 


Regueifa de leite condensado



Ingredientes (rende 2 regueifas):


  • 1 saqueta (11g) de fermento de padeiro (seco)
  • 375ml de água
  • 1 lata leite condensado
  • 40g de manteiga
  • 3 ovos
  • 1 kg farinha de trigo (usei T65)
  • 1 gema de ovo (para pincelar)
  • q.b. de amêndoa granulada (opcional)


Forma: http://www.ametalurgica.pt/?product=regueifa

 

Preparação:

Ligue o forno a 50ºC.

Coloque a água e o fermento na taça com a lâmina para amassar/triturar e aqueça a 35ºC, velocidade 5 durante 3 minutos. Junte o leite condensado, os ovos, a farinha e a manteiga. Seleccione o programa de massa P2.

Retire a massa da taça, divida-a em 8/9 pedaços idênticos e coloque-os numa forma redonda untada com manteiga. Leve a forma ao forno e deixe levedar até dobrar de tamanho (cerca de 2 horas). [se optar por levedar noutro local, tenha o cuidado de evitar correntes de ar]

Após este tempo, retire-a do forno e aumente a temperatura para 190ºC. Pincele a regueifa doce com gema de ovo para lhe conferir um tom mais dourado. Polvilhe com a amêndoa granulada e leve a cozer durante 25 min, ou até que esteja cozida (verificar com um palito).


quarta-feira, 13 de abril de 2016

Frango com coentros e limão | Batatinhas com cominhos e mostarda






Frango frito e batatas...

Frango frito e batatas???
Diz instantaneamente o nosso "zelador" interior de dietas: oh, mas isso não pode ser!

Calma... cozinhado assim, pode! Desliguem-se as sirenes, pois isto não teve que ser mergulhado em gordura a ferver.

E é tãaao bom!

Quem frequenta esta cozinha já percebeu que há por aqui poucas receitas de fritos. Na verdade não é tanto pela preocupação estética, mas sobretudo porque o meu sistema digestivo não se dá muito bem com alimentos confeccionados dessa forma.

Só vos digo... o frango fica delicioso! E as batatinhas?
Ui! Agora apetece-me fazer batatinhas com tudo, tudo com batatinhas.



Frango com coentros e limão

Ingredientes (para 2 pessoas):

  • 2 coxas de frango do campo
  • 2 peitos de frango do campo
Marinada:
  • 3 colheres (sopa) de azeite
  • 2 dentes de alho, picados
  • 2 colheres (sopa) de coentros picados (folhas e caules)
  • 2 colheres (sopa) de sumo de limão
  • 1 colheres (chá) de pimenta rosa, moída na ocasião
  • 1/2 colheres (chá) de sal (ou a gosto)


Obs.: pode optar por outras partes de frango, da sua preferência.





Preparação:

Deitar todos os ingredientes da marinada numa tigela grande e misturar bem. Adicionar o frango e envolver tudo. Deixar marinar, no mínimo 30 minutos, mas se possível por cerca de 2 horas.

Colocar o frango marinado na cuba da Actifry Express, seleccionar a opção “frango” e cozinhar 20 a 25 minutos.

Servir quente.


Sugestão de acompanhamento: Batatinhas com cominhos e mostarda





Batatinhas com cominhos e mostarda


Ingredientes (para 2 pessoas):

  • 12 batatinhas para assar (ou quantidade a gosto)
  • 1 colher (ActiFry) de azeite
  • 2 dentes de alho, esmagados (com casca)
  • 1 colher (chá) de cominhos em grão
  • 1 colher (chá) de mostarda em grão
  • 1/2 colher (chá) de ervas de provence
  • Flor de sal q.b.

Preparação:


Lave bem as batatas e corte-as em quatro, no sentido do comprimento. Passe-as por água e escorra bem.

Use um pano de cozinha para as secar cuidadosamente.

Coloque-as na Actifry Express. Regue-as com o azeite e salpique-as com as ervas, os cominhos e mostarda em grão. Cozinhe cerca de 30 minutos até que as batatas fiquem douradas e totalmente cozinhadas (o tempo pode variar conforme a grossura dos palitos e a variedade de batata utilizada).

Tempere com sal (a gosto) e sirva de imediato.



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...