quinta-feira, 1 de abril de 2021

Tarte de limão e tangerina com merengue suíço



 


Abril


Vinhas descendo ao longo das estradas,
Mais leve do que a dança
Como seguindo o sonho que balança
Através das ramagens inspiradas.

E o jardim tremeu,
Pálido de esperança.

Jardim verde e em flor, jardim de buxo
Onde o poente interminável arde
Enquanto bailam lentas as horas da tarde.
Os narcisos ondulam e o repuxo,
Voz onde o silêncio se embala,
Canta, murmura e fala
De paraísos desejados,
Cuja lembrança enche de bailados
A clara solidão das tuas ruas.



Sophia de Mello Breyner Andresen | "Dia do Mar", págs. 21 e 22 | Edições Ática, 1974



 

Tarte de limão e tangerina com merengue suíço

Ingredientes

 

base/massa (sablée):
  • 1 e 3/4 chávena (chá) de farinha de trigo
  • 100 g de manteiga fria em cubos
  • 3 colheres (sopa) de açúcar
  • 1 ovo
 creme de limão e tangerina:
  • 8 gemas
  • 1 chávena (chá) de açúcar
  • 1/2 chávena de sumo de limão e tangerina (metade de cada)
  • 100 g de manteiga fria em cubos

merengue suíço:
  • 3 claras
  • 1 chávena (chá) de açúcar


Preparação:


Base: Numa tigela, misture a farinha com o açúcar. Acrescente a manteiga fria em cubos e misture até formar uma farofa. Junte o ovo e amasse até formar uma massa lisa e macia.
Modele a massa numa bola e achate levemente para formar um disco. Embale com película e leve ao frigorífico por, no mínimo, 30 minutos. 
 
Ao fim deste tempo (ou quando quiser preparar a tarte) retire a massa do frigorífico e estenda-a com o rolo da massa. Forre uma forma de tarte com a massa (não precisa de untar), pique o fundo com um garfo e leve-a ao frigorífico enquanto pré-aquece o forno a 180ºC.
Retire-a do frio, tape com papel vegetal e encha o fundo da forma com feijões. Leve a massa a cozer cerca de 15 minutos tapada e mais 10 minutos destapada (sem o feijão).




Creme: Sobre uma caçarola, peneire as gemas, junte o açúcar e misture bem com um batedor de arames para dissolver. Adicione o sumo dos citrinos e mexa.
Leve a caçarola ao fogo baixo e mexa com uma espátula de silicone por cerca de 10 minutos até engrossar levemente. Retire do fogão.
Com o creme ainda quente, acrescente os cubos de manteiga gelada aos poucos, mexendo rapidamente com o batedor de arame a cada adição para incorporar.
Deite numa taça e cubra com película, em contacto com o creme. Deixe amornar e leve ao frigorífico por pelo menos 20 minutos antes de montar a tarte (se preferir, prepare o creme no dia anterior).
 




Merengue: Leve uma panela pequena com água ao fogo médio - ela servirá de base para o banho-maria.
Numa tigela de vidro refractário coloque as claras e o açúcar. Encaixe a tigela na panela e mexa com um batedor de arame por cerca de 4 minutos, até ficar um creme liso.
Transfira-o para a batedeira e bata em velocidade alta por cerca de 10 minutos, ou até esfriar e formar um merengue firme e brilhante. 
 
 

 


Coloque a base da tarte num prato de servir e preencha o fundo com o creme de citrinos, nivelando com as costas de uma colher.
Distribua o merengue pela superfície da tarte e leve ao forno, no grill, para tostar um pouco (ou use maçarico).

Sem comentários:

Publicar um comentário

Gosto de o/a ter por cá! Não vá embora sem deixar o seu comentário ;)