Gaspacho

 


 

O abençoado gaspacho

 
"Quando o calor aperta, nada melhor para matar a fome e a sede do que um refrescante gaspacho. Há muitos e diferentes gaspachos, quase tantos como casas em que se come em toda a Península [Ibérica].
 
O de Évora, que é diferente do que se faz em Beja, também é diferente do de Monforte e este do de Reguengos de Monsaraz, ali ao lado.
 
Têm em comum o uso do pão, do azeite, do alho e do vinagre e o comerem-se frescos."
 
 
Maria de Lourdes Modesto (1930-2022), in “Coisas Que Eu Sei”
 
 
 
 

 
 
 

Ingredientes:

  • 1 kg de tomate maduro
  • 1/4 pimento verde
  • 1/4 pimento vermelho
  • 1/2 pepino
  • 1/2 cebola roxa
  • 1 dente de alho
  • 1 colher de sal grosso
  • q.b. de pimenta (de moinho)
  • 3 colheres (sopa) de azeite
  • 2 colheres (sopa) de vinagre
  • água mineral q.b.

Preparação:

 

Lave o tomate, o pimento e o pepino. Corte tudo em pedaços mais pequenos e coloque num copo misturador. Acrescente o alho, o sal e pimenta. Misture durante alguns segundos. 
 
Passe por um passador de rede e leve mais uma vez ao copo misturador. Acrescente o azeite e o vinagre. Misture mais uma vez e acrescente água, aos poucos, até obter a consistência desejada. 
 
Deve servir fresco, mas não com cubos de gelo.
 
Pode juntar pão seco aos cubos e pequenos pedaços de tomate, pimento, pepino e cebola.

Comentários