quinta-feira, 26 de março de 2020

Pão de trigo




“Deus te acrescente para muita gente”


Andava, há muito, com vontade de começar a fazer pão em casa e desta vez é que foi!
Já tinha pesquisado sobre este assunto e acabava por não meter as "mãos na massa", fosse por falta de tempo, vontade... e, também, preguiça.

Há uns anos tive uma máquina de fazer pão e até lhe dei bastante uso. Se procurarem, aqui no blogue, hão-de encontrar algumas das receitas que fiz na ocasião. A máquina começou a não funcionar tão bem, ou eu fui perdendo o entusiasmo inicial... e o certo é que deixei de fazer pão.

Agora, confinada em casa, e sem querer ir à rua voltei a pensar seriamente em recomeçar a fazer o meu próprio pão.
Desta vez sem máquina, porque já nem a tenho, optei por começar com um pão muito simples e que não me levasse muito tempo para o fazer. Isto do teletrabalho não é "pêra doce"!

Inspirei-me num vídeo que partilho convosco, no final da página, e adaptei-o ao que tinha em casa.

Estou muito satisfeita com o resultado, mas também um pouco preocupada por ele ser tão bom e lhe ter apanhado o jeito. Parece que andamos todos a comer mais do que o habitual... e as curvas que estão a aumentar não são só as da (tinhosa) pandemia.








Ingredientes:


  • 500 g de farinha de trigo T65
  •  1 saqueta de 4,6 g de fermento seco de padeiro
  • 400 ml de água morna (imaginem que iam dar leite a um bébé... é assim morninha)
  • 1 colher (chá) de açúcar
  • 10 g de sal

NOTA: se usarem fermento fresco são 10g



Preparação:


Misture a água morna com o fermento e o açúcar. Mexa até diluir, usando uma colher de pau (não use metal), e deixe a repousar uns minutos (10 a 15). Vai perceber que está pronto porque faz uns barulhinhos e vê-se a fermentação a ocorrer.

Num recipiente grande coloque a farinha e o sal. Abra um buraco no centro da farinha e verta lá a água fermentada.

Com a mão vá envolvendo tudo, de fora para o centro, em círculo, até que tudo esteja bem misturado. Não é preciso amassar nada, apenas misturar até que a farinha absorva toda a água.

Cubra com um pano e deixar levedar 6 horas (no vídeo diz 2 a 3h, mas eu deixei 6), ou até que a massa tenha, no mínimo, duplicado de tamanho (a minha triplicou).

Numa superfície, bem enfarinhada, despeje a massa levedada. Puxe uma ponta da massa até ao centro e depois a outra. Repita esta operação duas vezes. Comece a formar uma "bola" com a massa, girando-a com as mãos, empurrando ligeiramente para o centro e para baixo. Depois de ter o pão moldado, deixe a massa repousar.

Ligue o forno a 230ºC, e meta lá dentro o tacho de ferro onde vai cozer o pão. (Pode optar por cozê-lo no tabuleiro do forno)

Polvilhe o fundo do tacho com farinha e coloque a massa lá dentro com a dobra para baixo. Polvilhe a massa com farinha e faça um corte superficial na parte superior da massa usando uma faca afiada. (Fiz uma cruz, mas pode fazer outro diferente).

Tape o tacho e leve-o ao forno durante 30 minutos. No final desse tempo, retire a tampa e deixe cozer mais 15 a 20 minutos para criar uma boa crosta.
Retire do forno (cuidado para não se queimar, pois o tacho está muitíssimo quente), tire o pão do tacho e ponha-o a arrefecer em cima de uma rede (para o ar circular por baixo).




O vídeo que me serviu de inspiração para fazer este pão. Muito bem explicado e de fácil compreensão. Aconselho-vos a ver.





S. Vicente te acrescente…
S. Mamede te levede
S. João te faça pão…
E Deus Nosso Senhor te deite
Sua divina benção
O Senhor te acrescente
E te queira acrescentar
Para comer e mais para dar…


Em memória do meu avô materno, que era padeiro. 
Obrigada a todos os padeiros que têm assegurado que não nos falte pão na mesa, sobretudo nestes dias loucos que vivemos.

4 comentários:

  1. Vamos aproveitando as benesses que a Olivia nos proporciona,obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por estarem aí, por me acompanharem, e confiarem nas minhas receitas.

      Excluir
  2. Olá Olivia

    A massa a levedar as 6 horas ficou no frigorífico ou cá fora?

    Eu tenho que deixar a massa durante a noite mas não sei se ponho no frio ou não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cristiana.

      A massa deve levedar a uma temperatura de cerca de 25ºC. Não conseguindo ter essa temperatura no ambiente da casa, o ideal é mantê-la resguardada de correntes de ar. Cubro a minha com uma toalha de mesa e meto-a no forno (desligado).

      Excluir

Gosto de o/a ter por cá! Não vá embora sem deixar o seu comentário ;)