quinta-feira, 23 de abril de 2020

Pão de trigo e centeio - massa mãe


 

O pão que eu amassei!


Fazer pão dá-me uma satisfação enorme. E, agora, sem recorrer a fermento químico é indescritível!
Este pão é a segunda experiência com massa mãe e espero que anteceda muitos outros :)

Estou em processo de aprendizagem, de experiências e adaptações, mas já me atrevo a partilhar a receita convosco e dizer-vos que a podem seguir. Claro que terão que fazer os vossos ajustes, pois não há duas massas mãe iguais... e há muitas variáveis que interferem neste processo.

Recomendo-vos que leiam e vejam vídeos, pois também é assim que tenho aprendido. 
Há várias páginas interessantes sobre esta matéria, mas a que me fez ter mais confiança e vontade de experimentar foi esta: Amo Pão Caseiro.
Além de tudo o que está publicado, que já é muito, respondem a perguntas que queiramos fazer. Fantástico!


Hoje recebi um email, cortesia da Condi, com um e-book muito bom e que partilho convosco.  


 

Pão de trigo e centeio - massa mãe

 

Ingredientes:


Esponja:
  • 150g massa mãe*
  • 150g farinha T65
  • 150 ml água mineral morna

Pão:
  • Esponja (o que resulta da mistura anterior)
  • 100g farinha de centeio
  • 250g farinha de trigo T65
  • 175ml de água tépida
  • 10g de sal

* a massa mãe saiu do frigorífico, esteve à temperatura ambiente (cerca de 10h) e foi alimentada com 100g de farinha e 100ml de água. Repousou 8h até quase dobrar o volume. Após isso retirei 150g para fazer a esponja.


Preparação: 

 

1 - Esponja: misturar a farinha com a água e mexer bem. Adicionar a mistura à massa mãe e envolver tudo até uniformizar. Deixar descansar 2/3 h


2 - Pão: misturar as farinhas e o sal, numa bacia. Abrir um buraco no centro e verter lá a água e a esponja. Envolver muito bem e levar a levedar. (O meu levedou 10h).

massa com levedação de 10h



3 - Enfarinhar um tampo de balcão, deitar lá a massa levedada e moldar o pão. (dar voltas até estar moldável)

Massa levedada                                    Massa moldada



4 - Num cesto para levedar pão (usei o escorredor de massas) colocar um paninho fino polvilhado de farinha. Meter o pão no cesto, com a abertura (onde uniu) virada para cima. Deixar repousar 3h.

abertura (onde uniu) virada para cima



5 - Levar ao forno pré-aquecido a 230ºC, dentro de um tacho (que já estava quente), durante 30 minutos. Retirar a tampa e cozer mais 20 minutos.



MASSA MÃE


O meu isco, nas várias fases do seu desenvolvimento.

Comecei no dia 11/4 e dia 15/4 coloquei-o no frigorífico. Dia 22/4 tirei-o do frigorífico e alimentei-o com 100g de farinha e 100ml de água tépida

Agora será alimentado uma vez por semana e/ou quando precisar dele para fazer pão.

1º dia: utilizei 50g de farinha de centeio + 50ml de água mineral* tépida + 1 colher (café) de mel (opcional).

2º, 3º e 4º: acrescentei, em cada dia, 100g de farinha de trigo e 100ml de água tépida.

Tive sempre o cuidado de o manter no sitio mais quente da casa, resguardado de correntes de ar.
Alimentei de 24 em 24h, tentando sempre fazê-lo no mesmo horário.

As fotos têm a data e hora em que o fotografei, para poder acompanhar o processo.


*Usar sempre água mineral (engarrafada é o mais fácil para a maioria de nós)
















2 comentários:

  1. Boa tarde, também faço pão com massa mãe há mtos anos, mas de outra forma, como o meu avô fazia. Quando se amassa deixa se um pouco de massa que servirá depois para fazer o fermento.para que essa massa não se estrague , deixa se secar e depois tritura e guarda. No dia antes de fazer o pão faz o fermento com essa massa mais farinha e água morna até perfazer 260gr de fermento para cada kg de farinha que queira amassar. Guarda em lugar quente e abafado com mantas durante cerca de 12 h até estar azedo e rendado. E depois faz o pão com esse fermento.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pela receita 🙏
      Adorei e vou experimentar! 🙂

      Eliminar

Gosto de o/a ter por cá! Não vá embora sem deixar o seu comentário ;)